terça-feira , 21 outubro 2014

Previsões para 2014: astrólogo João Bidu analisa o ano

Publicado em 15/11/2013

Confira o que dizem os astros sobre o próximo ano

por Redação
Com a proximidade de 2014, já é possível, através da astrologia, entender as energias que estarão presentes no próximo ano. Foi o que fez o astrólogo João Bidu, que fez previsões para o próximo ciclo e garante que será um período de sorte e prosperidade.

Segundo o especialista, Júpiter é quem vai comandar o ano e, por isso, o clima de expansão e de melhorias deve chegar por aqui, depois de um 2013 marcado por muito trabalho, disciplina e dedicação.

Primeiro semestre

Créditos: Thinkstock

Contudo, Júpiter também tem seu lado vilão e o excesso de otimismo é um dos seus maiores perigos. Até 6 de março, o astro estará se movendo em sentido contrário e trará momentos de bastante instabilidade.

Segundo semestre

Esse quadro astral pode dar uma guinada no segundo semestre do ano, especialmente depois de 23 de setembro. É nessa data que o regente do ano entra em Leão, signo que representa o inferno astral do Brasil. Algumas surpresas agradáveis e conquistas inesperadas podem acontecer, mas também é provável que revelações ou escândalos afetem a imagem de autoridades ligadas ao alto escalão do governo brasileiro.

Economia e Política

Bidu garante que o primeiro semestre será de emoções fortes, podendo a economia sofrer com perdas de altos valores. Porém, do meio para o final do ano, o país poderá comemorar vitórias significativas, desde que tenha atenção às oscilações do câmbio e da inflação.

Entre os dias 3 de março e 20 de julho, quando Saturno faz movimento contrário em Escorpião, será difícil o Brasil escapar de divergências sérias ou embates comerciais com países vizinhos. Já a partir de 21 de julho, o astral melhora e poderá haver cooperação e promissoras parcerias econômicas, especialmente com os países do Mercosul.

Profissões em alta

Será um bom ano para quem trabalha com setores ligados ao mar, água e líquidos. Também se destaca quem mexe com alimentação, construção civil, transportes, turismo, jogos, relações internacionais, jurídico, judiciário e, principalmente, quem lida com o público.

 

Fonte: Bolsa de Mulher


Os comentários estão fechados.

Scroll To Top
shared on wplocker.com